atendimento@gestaomix.com.br
(85) 9.9633-4280
(85) 9.9633-3209
Em andamento

Pós-Graduação: Gestão e Empreendedorismo no Esporte - 2016

Local: Ginásio Paulo Sarasate - Rua Idelfonso Albano nº 2050 - Dionísio Torres, Fortaleza - CE - Ver mapa

Data: 10 e 11 de Setembro de 2016

Horário: 08:00 às 18:00

Em andamento

O esporte é um negócio que gera bilhões todos os anos, no Brasil e no resto do mundo, e não se centra apenas no futebol. Outras modalidades esportivas podem não ser tão aclamadas mundialmente, mas são igualmente rentáveis e abrem um leque variado de mercado de trabalho para estes profissionais.

Um gestor de esporte pode atuar em diversos tipos de empresa, mas o seu foco principal é administrar. Para atuar como gestor de esporte é necessário ter um grande conhecimento do mundo dos negócios, tal como um conhecimento aprofundado dos diversos esportes existentes. Este profissional pode trabalhar em meios de comunicação, agências de publicidade, no gerenciamento de equipes ou de atletas individuais, na administração de marcas, como consultor e ainda na elaboração de projetos ligados ao esporte.

A formação necessária para trabalhar como gestor do esporte vai desde educação física até direito, passando por gestão, marketing, administração e comunicação. Dependendo do campo de atuação escolhido pelo profissional será necessário aprimorar os conhecimentos mais em uma área do que em outra, mas o ideal é ter uma gama de conhecimentos variada, ser polivalente, comunicativo, organizado e ter uma boa visão do mundo dos negócios esportivos.

MÓDULOS / CONTEÚDOS:

  

1. Gestão no Esporte

2. Gestão de Carreiras Profissionais no Esporte

3. Políticas Públicas para o Esporte e Lazer

4. Elaboração de Projetos, Plano de Trabalho e Prestação de Contas

5. Gestão de Eventos Esportivos

6. Captação de Recursos e Promoção de Projetos Esportivos

7. Marketing Esportivo, Comunicação Estratégica e Mídia no Esporte

8. Legislação Esportiva I – Leis

9. Legislação Esportiva II - Contratos

10. Metodologia da pesquisa Científica / Seminário de monografia

11. Introdução a Contabilidade e Gestão Financeira

12. Planejamento Estratégico e Desenvolvimento Organizacional

13. Gestão de Pessoas

14. Business Coaching no Esporte

15. Empreendedorismo e Startup de Pequenos e Médios Negócios em Fitness e Esporte

16. Gestão de Academias e Mercado do Fitness

17. Gestão de Instalações Esportivas

18. Gestão de Entidades Esportivas e de Lazer

19. Gestão da Prestação de Serviço em Personal Training e Assessorias Esportivas

20. Orientação do Artigo

PROFESSORES CONFIRMADOS:

Geraldo Campestrini - RJ

Evandro Ferreira Gomes - CE

João Nunes - SP

Fernando Estite - CE

Daiany França - CE

Ralciney Barbosa - CE

Eduardo Melo - CE

Claudemir Queiroz - CE

INVESTIMENTO:

 VALOR PROMOCIONAL MATRÍCULA:

150,00 reais

 

FORMAS DE PAGAMENTO:

À vista, Boleto Bancário;
Ou Cartão de Crédito ( 3x s/ juros)


*Todos os pagamentos efetuados em nosso site são realizados via PagSeguro.

pag seguro

MENSALIDADES:

PROMOÇÃO ESPECIAL*:

20 parcelas de 200,00 reais (boleto bancário)

Vencimentos nos dias: 05, 10 e 15 de cada mês

 

Taxa de Matrícula inclui:

Material didático (pasta, bloco de anotações e caneta);

Pen-Drive (4GB)

Bolsa Sacola

Camisa

* A organização se dá o direito de iniciar o curso no o mínimo de 35 alunos com inscrições pagas.

FACULDADE VALE DO JAGUARIBE

*O certificado de conclusão válido em todo território nacional.

CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO AUTORIZADO/RECONHECIDO PELO MEC

NOVA DIRETRIZ PARA PÓS GRADUAÇÃO

 

De acordo com a Resolução CNE/CES nº 2, de 2 de fevereiro de 2014, e com a Instrução Normativa SERES nº 1, de 16 de maio de 2014, as instituições de ensino superior integrantes do sistema federal de ensino que ofertem cursos de pós-graduação lato sensu devem, a partir de hoje, promover o cadastro desses cursos no sistema e-MEC.

O cadastramento desses cursos deve ser feito no prazo máximo de 90 (noventa) dias, depois do qual os cursos não constantes do cadastro serão considerados irregulares, não podendo outorgar o título de pós-graduado a seus concluintes.

Embora as orientações para o cadastramento dos cursos de pós-graduação lato sensu esteja disponível no ambiente do Procurador Institucional do sistema e-MEC, a coluna de hoje vai apresentar, em síntese, tais orientações.

O primeiro passo é selecionar a opção “Cadastro” e acessar o ícone “Dados de Curso de Especialização”, optando pela inclusão de “Novo Curso de Especialização Presencial” ou “Novo Curso de Especialização EAD”, conforme a modalidade de oferta do curso a ser cadastrado.

Em seguida, devem ser inseridas as informações da tela de cadastro de curso de especialização na modalidade indicada, as quais ficarão disponíveis na visão pública do Cadastro e-MEC.

Buscando tornar mais simples o processo de preenchimento das informações solicitadas para o cadastro dos cursos de pós-graduação lato sensu, apresentamos, adiante, a relação dos dados necessários com uma breve explicação sobre o conteúdo a ser inserido em cada campo, conforme orientações disponibilizadas no próprio sistema e-MEC:

Denominação do curso: deve ser indicado o nome do curso de especialização ofertado, conforme aprovado pelas instâncias institucionais competentes.

Comentário: campo de preenchimento opcional, destinado à inclusão de quaisquer dados julgados relevantes sobre o curso ofertado, desde que não contempladas nas informações obrigatórias.

Área à qual o curso de especialização está associado: indicar a área do conhecimento à qual o curso está associado, utilizando como referência a tabela OCDE - Organização para Cooperação e Desenvolvimento Econômico.

Carga horária do curso em horas: indicar a carga horária do curso, observando o disposto na Resolução CNE/CES nº 1/2007, compreendendo o mínimo de 360 horas.

Duração do curso em meses: indicar, em meses, a duração do curso.

Periodicidade da oferta: indicar se o curso é ofertado de forma regular pela instituição ou se a oferta ocorre de forma eventual, como, por exemplo, para atendimento a um grupo específico de estudantes.

Data de início da oferta: informar a data de efetivo início da primeira oferta do curso, a qual não poderá ser alterada depois de concluído o cadastro do curso de pós-graduação lato sensu.

Quantidade de vagas: indicar a quantidade de vagas atualmente ofertada no curso cadastrado.

Quantidade de egressos: indicar a quantidade de egressos do curso, sendo que, no caso de cadastro de curso que já teve turma(s) finalizada(s), o campo deverá receber a informação da quantidade total de egressos até a data do cadastro do curso. Depois do cadastro, a instituição deverá informar a quantidade de egressos por ano, a qual será acumulada em campo totalizador.

Local de oferta: informar o endereço em que ocorre a oferta do curso presencial ou, no caso dos cursos à distância, indicar local do endereço sede da EAD. Para os cursos presenciais poderá ser informado mais de um local de oferta, cumprindo atentar para o fato de a base de dados dos endereços dos cursos de especialização não ser a mesma base utilizada no cadastro dos cursos de graduação da instituição.

Assim, mesmo que o endereço da oferta da especialização já exista vinculado a cursos de graduação, a instituição deverá cadastrar o endereço novamente, para efeito de cadastramento do curso de pós-graduação lato sensu, observando que, no momento de vincular o endereço aos cursos, a instituição deve verificar se o endereço já consta na lista dos endereços que já foram vinculados a cursos de especialização, tela apresentada ao clicar no botão “Vincule endereços”. Apenas após verificar que o endereço ainda não consta nesse cadastro, a IES deve inserir um novo endereço, clicando no botão “Não Encontrei”, na parte inferior da tela.

Curso de graduação ao qual o curso de especialização está vinculado: indicar, caso exista, um curso de graduação na instituição ao qual o curso de especialização está vinculado, adotando-se, como base de referência, os cursos de graduação vinculados à instituição no Cadastro e-MEC.

Dados do coordenador: inserir os dados do coordenador atual do curso, de modo que, à medida que os dados do coordenador forem atualizados pela instituição, o sistema manterá um histórico dos coordenadores anteriormente vinculados ao curso.

Corpo docente do curso: inserir os dados de cadastro dos docentes vinculados ao curso de pós-graduação lato sensu, tendo como referência os docentes vinculados à instituição e já utilizados nos processos regulatórios dos cursos de graduação, cumprindo à instituição, ao longo do período de oferta do curso, promover a atualização da relação, vinculando os novos docentes e desvinculando aqueles que deixem de corpo o corpo docente do curso, de modo que o sistema manterá um histórico dos docentes que estiveram vinculados.

Documento de criação do curso e data: inserir o documento de criação do curso pelo órgão interna corporis competente e a data de criação do documento, conforme disposição regimental ou estatutária vigente na ocasião.

Situação de funcionamento: ao cadastrar um novo curso, a situação deve ser sempre “Ativo”, ao passo que, no momento em que o curso tiver a oferta finalizada, a situação deve ser atualizada para “Desativado”. Caso o curso volte a ser ofertado, a instituição não deve realizar novo cadastro, bastando atualizar a situação do curso anteriormente cadastro para o status “Ativo”, de modo que o sistema manterá um histórico da situação de funcionamento do curso.

Depois de elencar as informações contidas no cadastro dos cursos de pós-graduação lato sensu, o material disponibilizado no ambiente do Procurador Institucional do sistema e-MEC faz os seguintes alertas:

No caso de reativação do curso, não deve ser alterada a data de início de oferta, devendo, destarte, ser mantida a data inicialmente registrada, para que possa ser mantido de forma correta o histórico de seu funcionamento.

É obrigatório o preenchimento de todas as informações solicitadas pelo cadastro, exceto o campo “Comentários”, de preenchimento opcional e destinado à inclusão de dados relevantes não contemplados nas informações obrigatórias.

Depois de concluída a inserção do curso de pós-graduação lato sensu no cadastro, as informações relativas a “Denominação”, “Área”, “Modalidade” e “Data de início da oferta” não poderão ser modificadas ou atualizadas.

Depois de concluído o cadastro dos cursos, a instituição poderá consultar a relação dos cursos cadastrados utilizando os campos de filtro apresentados na primeira tela do cadastro, podendo, em relação a cada um dos cursos inseridos, realizar as seguintes ações:

- Editar os dados

- Consultar os dados

- Consultar o histórico de situação de funcionamento

Para finalizar, cumpre lembrar que o artigo 4º da Instrução Normativa SERES nº 1/2014 estabelece o prazo máximo de 90 (noventa) dias para o cadastramento dos cursos de pós-graduação lato sensu, depois do qual os cursos não cadastrados serão considerados irregulares, nos termos do parágrafo único do referido dispositivo:

“Art. 4º As IES do Sistema Federal de Ensino deverão, a partir de 2 de junho de 2014, inscrever, no prazo de 90 (noventa) dias, no cadastro nacional de cursos de especialização do sistema e-MEC, os cursos de pós-graduação lato sensu (especialização) oferecidos a partir do ano de 2012.

Parágrafo único. Encerrado o prazo previsto no caput, a oferta de curso de pós-graduação lato sensu (especialização) não inscrito no cadastro será considerada irregular.”.

Destarte, as instituições do sistema federal de ensino que ofertem cursos de pós-graduação lato sensu devem atentar para o prazo estipulado para o cadastramento destes cursos no sistema e-MEC, inserindo as informações e documentos necessários, de modo a assegurar a regularidade dos cursos ofertados.

prefeitura

 

ABRAGESP LOGO 2010 CDR

 

LOGO FETRIECE

 

claudemir

 

acai

 

AILTON SILVA OLIVEIRA

Graduado em Gestão Desportiva e de Lazer - IFCE;

Esp. Lazer e Recreação - UECE;

Pós-Graduando em Gestão e Negócios no Esporte - FMG;

Dirigente Regional da ABRE - Associação Brasileira de Recreadores;

Fundador da Gestão Mix - Sports Business

Contato
Email: atendimento@gestaomix.com.br
Telefones: (85) 9.9633-4280 | (85) 9.9633-3209
CNPJ: 18.123.379/0001-92
Compra 100% segura
Formas de pagamento
2º via de boleto